International House Brisbane – ALS

Após 6 meses estudando na ALS, vamos relatar nossa experiência e recomendá-la a todos que possuem dúvidas se devem fechar com a escola!

Nosso primeiro dia de aula fizemos um teste de inglês no computador, onde tem váriass questões sobre grammar. Depois nos chamaram pra fazer umas perguntas básicas, como: nossa idade, de onde somos, o que viemos fazer na Austrália.. A partir dessa conversa já avaliam também nosso listening e speaking e a partir daí escolhem o nosso nível.

Cada nível tem um horário diferente, as aulas começam às 8:30, 9:30 e 10:30 e vão até 2:30, 3:30 e 4:30, com 2 intervalos de 10 min e 1h de almoço.Os níveis do General English são: Beginner, Elementary, Pre-Intermmediate, Intermmediate e Upper-Intermmediate, com 2 turmas cada nível.

Depois de nos informarem em qual sala ficamos, fizemos 1 mini tour pela city com uma das recepcionistas da escola.

As aulas são bemm interativas, tem vários tipos de brincadeiras, joguinhos, atividades em dupla ou em grupo. Dá pra dar boas risadas e fazer boas amizades, sinto saudades dessa época!

As aulas obrigatórias vão de segunda a quinta, e às sextas-feiras eles dão umas aulas variadas, tipo culinária, teatro, barbecue, speaking test.. Tudo depende do calendário mensal, que está sempre variando.

Todos os dias eles dão a opção de mais 2 horinhas de aulas após o horário, dividido por nível e você tem que ir até a recepção para se inscrever. Porém, nem sempre tem uma quantidade razoável de pessoas interessadas e eles acabam cancelando.

A cada 6 semanas eles fazem o Level Up test, que consiste de 1 semana fazendo provas pra subir de nível, cada dia é uma prova de grammar, listening, reading e writing. O speaking é feito de sexta-feira e não é obrigatório. Eles dão a opção de fazer esse Level Up test às sextas-feiras também e a cada 3 semanas.

Após esse teste feito a cada 6 semanas, os professores dão um feedback em escrito pra cada um sobre seu desempenho e um comentário pessoal pra cada e em seguida os professores elegem um aluno por nível pra receber um prêmio de melhor aluno. Eles tiram foto de cada um e colocam na parede da escola, com um certificado na mão, além de dar um presentinho tipo tickets pra cinema.

Todo mês eles fazem excursões de graça em pontos turísticos aos redores! Já fomos pro zoológico Lone Pine, Mount Tambourine, Noosa e Byron Bay! Eles já organizaram também para Burleigh Heads, Mount Coot-tha.. Mesmo tendo pouco tempo de passeio, é bem legal pelo menos pra conhecer. Tenho certeza que não teria ido pra todos esses lugares desde que cheguei, se não fossem as excursões da escola.

Todo mês numa quinta-feira à noite a partir das 5pm eles fazem uma sessão de filme, com direito à pizza da Pizza Hut no intervalo. Deu pra ver eles tem uma boa variedade de atividades complementares.

Toda quarta-feira eles divulgam no mural e na página do Facebook vagas de emprego, é sempre bom ficar de olho!

Experiência pessoal:

Fiquei 1 mês e pouco no Upper Intermmediate, que foi o nível que cheguei. Essa foi a melhor época que eu tive na escola em questão de amizades e diversão! A professora nos levou pro museu, trazia bolo pros aniversariantes do mês, as aulas dela eram bem interativas, era difícil ficar entediada. Por outro lado também aprendi muito!

Depois disso mudei para o curso preparatório para o IELTS, nível avançado. Esse tipo de curso já é mais sério e acadêmico, cada semana é focada em um tópico, como: educação, artes, cultura, meio ambiente, tecnologia, globalização, etc.. Mas também tem algumas atividades em dupla ou grupo.
De lá fiquei até o final do meu curso, e foi a época em que mais aprendi, enriqueci muito meu vocabulário! E claro, aprendi muitass técnicas de como ir bem no teste!
A maioria dos tópicos levantam questões controversas, onde temos que saber argumentar, utilizar as palavras certas, dar boas razões para defender seu ponto de vista.. Não imaginava que iria aprender tanto! Tem muito reading, writing, listening, speaking..

A cada 6 semanas tem uma semana de testes, assim como o General English. Mas os testes são baseados nas questões das provas do IELTS mesmo, um dia pra reading, outro pra listening, grammar, writing, speaking.. O speaking é filmado e você pode pedir a gravação na recepção. E também toda sexta-feira tem o Mock Test, que também são questões do IELTS, de reading, writing e listening.
Assim como no General English, os professores dão um feedback em escrito sobre seu desempenho e também elegem os melhores aluno por nível.

Apesar da minha experiência super positiva, percebi que as aulas após o almoço não agregam em muita coisa.. Muitas aulas dessas eu preferia estar em casa, pois não tinham nada de aprendizado, eram só atividades que qualquer um da sala seria capaz de fazer sem pensar muito.. Pareciam umas aulas “complementares”. Isso vale pro General English também.

Após 3 meses mudei meu horário pra noite, (das 5:00 às 20:50, para todos os níveis) onde todo mundo fala que a qualidade das aulas não é tão boa, pois os alunos estão cansados, não estão tão empenhados, o professor também acaba não se empenhando tanto quanto os da manhã.. No meu caso eu aprendi mais, percebi que o pessoal da noite é mais esforçado e possui um vocabulário melhor que os da manhã e a aula fluía muito bem! De noite estudamos 3h por dia, contra 4h por dia de manhã, porém nesse caso é obrigatória a presença.

Dada a minha experiência nessa escola, que foi bem positiva, faço uma observação.. Na escola tem vários professores bons, porém tem alguns que são razoáveis! A minha sorte foi ter estudado com ótimos professores.

O que mais gostei foi que quando eu cansei do General English pedi pra me mudarem IELTS, e fazem sem custo nenhum. E quando arrumei emprego de manhã, eles me mudaram pra noite rapidamente. Você também tem a opção de trocar o General English pro Cambridge pagando uma diferença, que não deve ser muito.. E todo mundo diz que o Cambridge é muito bom também! Tem um gerente brasileiro lá, ele é bem prestativo e ajuda todos os brasileiros..De maneira geral, recomendamos muito a escola!

Mesmo assim se tiverem dúvidas, só nos mandar um inbox que teremos o prazer em responder!

Beijoo

Bruna

Acomodação estudantil – Uniresort

Aqui vai mais um post sobre a acomodação estudantil Uniresort, onde nos hospedamos no nosso primeiro mês.

A escola ALS – International House Brisbane possui parceria com a Uniresort, por isso as agências oferecem essa acomodação para aqueles que escolhem a ALS.

Ela tem um preço bem atrativo e é uma opção segura, pois você fecha com a sua agência. Em minha opinião, procurar uma acomodação por conta é arriscado e homestay é um tiro no escuro.. Pouca gente se dá bem e o custo-benefício não vale muito a pena para quem não pega uma homestay hiperrr legal.
A Uniresort oferece diferentes opções de quartos, você pode escolher single room ou double room, com janela ou sem janela. Os preços variam, como você pode ver aqui:
http://www.ihbrisbane.com.au/wp-content/uploads/2013/12/IH-Brisbane-ALS-student-accommodation-2014.pdf

Achei um post bem legal no blog de uma Taiwanesa, onde ela postou várias fotos da Uniresort, vale a pena dar uma olhada:
http://abcwithyou.pixnet.net/blog/post/26624023#

Importante!

Poucos dias antes do embarque a agência envia por e-mail as senhas do portão e das portas da Uniresort, é muito importante tê-las em seu porta-documentos! Assim que você chega, geralmente não tem ninguém no portão, principalmente à noite. Então com essas senhas você já chega, abre o portão e as portas sem ter que esperar por alguém que esteja passando.
Ouvi relatos de pessoas que esperaram horas até alguém aparecer no portão, justamente porque não tinham as senhas.

Nós fechamos um transfer (transporte/carona) do aeroporto até a acomodação pelo grupo ‘Brasileiros em Brisbane’ no Facebook. Tem uma quantidade considerável de brasileiros que fazem esse serviço, na época fiz umas 5 cotações! De táxi certamente sairia bem mais caro, e de transporte público seria impossível, já que nossa previsão de chegada era lá perto da meia noite.. E estávamos cheioss de malas! Valeu muito a pena e deu tudo certo!

 Nossa visão sobre a estadia + dicas!:

O fato da acomodação ser longe da city perdeu muitos pontos.. E pior, ser longe do ponto de ônibus! Dava uns 15 a 20 minutos de caminhada só pra chegar até o ponto, que fica colado a um shopping, inclusive você precisa atravessá-lo para chegar. Depois desse trajeto ainda tem mais meia hora de ônibus..
O bom é que nesse ponto tem umas 4 ou 5 opções de bus pra ir pra city, então a espera é sempre rápida. Até tem um ponto de ônibus bemm pertinho da Uniresort onde passa um ônibus que te deixa no shopping, assim evitando a caminhada de 15 min.. Mass aí vai um dinheirinho a mais de transporte (não lembro o valor) e os ônibus passam de hora em hora. Todo ponto de ônibus tem uma placa com os horários dos ônibus, então vale a pena tirar foto dessa placa.

O quarto não foi limpo de um hóspede pra outro, chegamos com o chão encardido, poltrona suja, privada com xixi (afff).. Pelo menos as roupas de cama foram trocadas.. Tivemos sorte de pegar um quarto com frigobar e pia, pois nem todos os quartos tem.. A cozinha tava suja, cheia de louça suja na pia e assim ficou por 1 semana pelo menos, depois começaram a deixar tudo limpo, ainda bem!

Precisei pedir ajuda pra uma coreana (flatmate) pra usar a lavanderia, pois não tem nenhuma instrução, nada. Assim como usar o fogão :P.. Nunca mexi nas máquinas de lavar e secar da minha casa .. ><” No fogão sim, claro! Mas o fogão de lá é elétrico e eu nunca tinha visto hehe..
Ah, evitem ficar esquecendo as roupas nas máquinas de lavar e secar, isso realmente é um saco e desrespeito com os flatmates! =\

O quarto em si é bem pequeno, mal cabem as coisas.. Mas deu pra nos acomodar razoavelmente! Ainda bem que todos tem suíte.
A gente pegou umas tigelas e talheres da cozinha e levamos pro quarto, aí “adotamos” eles até o fim da nossa estadia.. Os copos trouxemos nossos favoritos do Brasil hehe.. Só não dá pra fazer isso com as panelas, ai a gente pegava da cozinha, lavava antes e depois de usá-las.

Nunca saia da Uniresort sem o cartão de acesso (que será dado quando você faz o check-in), caso contrário você terá que ficar esperando alguma alma passar para abrir o portão.. E decorem as senhas da porta do seu apê e do seu quarto.. Você não vai querer ficar trancado do lado de fora! No segundo dia já decorei todas, cada senha tem 5 caracteres, com letras e números misturados x(

Não tivemos muito contato com os nossos flatmates, no máximo jantei umas 2 vezes com uns coreanos.. De resto, só oi e tchau! No Brasil a gente tinha uma visão de que iríamos fazer várias amizades, ia ter festa toda noite.. kkkkkk! Mas na realidade, cada um tem sua vida, sua rotina e pouca gente acaba ficando pela acomodação. Se bem que esse ponto depende do apartamento que você fica, já vi uma unidade que tinha um pessoal mais agitado, mas na maioria das vezes você só vai achar um ou outro andando, lavando as roupas ou cozinhando.

Toda sexta o staff da Uniresort faz um BBQ perto das piscinas, onde tem linguiça, beef, pão de forma e bebida tudo de graça e à vontade! É de sexta-feira, começa umas 4h e vai até umas 6h ;).. Só também não espere que fará mil amizades, a não ser que você seja cara de pau e saia abordando as pessoas pra conversar, caso contrário cada um fica em seu canto ou em um pequeno grupo :P..

Tem também sauna e academia, que são bem pequenos. Acabamos só usando a sauna.

Ah, se preparem pra ter que ficar ouvindo uns corvos gritando de manhã kkkkk.. Na verdade eles estão pela city toda gritando, mas ficam alguns pela Uniresort gritando bem alto, é engraçado de ouvir, às vezes até acordávamos com o barulho 😛

Sobre o bairro:

O bairro é bem calmo, as ruas são largas e tem bastante casas. A única coisa que tem de interessante por lá é um shopping, que inclusive é onde fica o ponto de ônibus pra ir pra city.. E também onde ficam os mercados, tem Coles e Woolies, e já deve ter o Kmart lá, mas na nossa época tava pra vir ainda. Ah, tem o Reject Shop também! Muito bom e barato pra comprar coisinhas para a casa, como produtos de limpeza, toalhas, travesseiros, escovas de dente, etc.. Mas tem muito mais coisas, desde isso até guloseimas e materiais escolares!
O shopping até que é grandinho, com 2 andares, tem várias lojas e praça de alimentação grande.

by: Bruna

Escola

POST EM CONSTRUÇÃO, VALE A HOMENAGEM PARA A GALERA DA SALA!! 😀

 

Estamos estudando na International House – ALS e estamos muito satisfeitos e felizes com a escolha!

Aulas bem dinâmicas, ótimos professore e método de ensino diferente de tudo que estávamos acostumados!

As nacionalidades dominantes na escola são: brasileiros, colombianos, coreanos, japoneses, árabes..  Para todos que tem duvidas se a escola possui muitos brasileiros, a resposta é: SIM! As vezes você pode cair em uma sala que possui apenas 1 brasileiro, ou em outra com 5 brasileiros (o que aconteceu com a Bruna). As salas vão mudando conforme as semanas, muitas pessoas vem e vão, e também com o tempo e estudos você muda de nivel e consequentemente muda de sala..

 

My class and Teacher Michael (31 - August).

My class and Teacher Michael (31 – August).

 

Brunas class and Teacher Heather (19 - June)

Brunas class and Teacher Heather (19 – June)

by: Jorge

Primeiras impressões sobre Austrália/Brisbane, após duas semanas

Olá…

 

Vou relatar minha opinião sobre alguns assuntos específicos que estamos conhecendo e vivenciando em Oz (Austrália).

PESSOAS…

Para minha surpresa, todos que conversamos são extremamente gentis, atenciosos e educados! Imaginava pessoas mais frias, que apesar de educadas não fossem tão simpáticas.

Neste inicio, pouco conhecemos a city, então normalmente pedimos ajuda para algum nativo ou estrangeiro (Tem muitos na City difícil é achar Australiano).

Acredito que as pessoas se modificam conforme a maioria e aqui é fato, ou muda ou será deportado!

 

TRANSPORTE…

Imagine saber a hora exata que o ônibus irá passar e chegar no destino desejado todos os dias, sem atrasos, trânsito ou qualquer surpresa desagradável, Welcome to Brisbane!! A consulta pode ser feita pela internet ou vista num painel eletrônico no próprio ponto.

Como isso tudo é possível?  Os ônibus aqui tem sua própria pista e não há interferência de outros veículos ou pessoas querendo atravessar. Porem isto não é coisa de outro mundo, existe algo parecido no Brasil! A Avenida Paes de Barros tem um sistema de pista exclusiva semelhante e quando utilizava pude comprovar sua eficiência, a diferença é que aqui é na Cidade toda!

Outro modelo a ser seguido é o valor cobrado pelo transporte, você paga por Km rodado e não preço fixo de passagem, ou seja, quem desce no primeiro ponto paga menos que quem desce no segundo e assim por diante. Alem disso o governo incentiva realmente a utilização dos transportes públicos (Barco, Trem e Ônibus)  se usar mais de 9 vezes dentro de 1 semana, as seguintes não importa quantas forem, são de graça, inclusive para ir para Gold Coast ($15 preço). Isso vale apenas até o final da semana em que as 9 passagens foram utilizadas, na segunda-feira seguinte começa a contar novamente.

 

ESCOLA…

Dá para contar nos dedos as vezes que as aulas prenderam minha atenção, em todos os cursos, Ensino Fundamental, Técnico e Superior que cursei no Brasil. Porém, para minha surpresa estou adorando as aulas aqui, a didática é ótima, professores motivados, provas semanais…!!!

O grande diferencial para o aprendizado aqui comparado a escolas de Inglês no Brasil é simples, porém essencial!! Os professores são “gringos” e não sabem falar sua língua, então ou você aprende ou ficará apenas na mímica!! hahaha.. Além disso, as salas tem pessoas de todas as nacionalidades possíveis, até para falar Bom dia você terá que se virar e aprender!

 

MERCADO…

Aqui todos os mercados tem seus próprios produtos, como no Brasil (Ex. Bolacha Carrefour, Sabão em pó Extra, entre outros), porém aqui você encontra TUDO e em todos os mercados!!! De arroz a pão, de vassoura a comidas congeladas. Esses produtos chamam HomeBrand e são muito mais baratos!!! Ex. uma lasanha custa $9, a HomeBrand $4. Além disso todos os dias alguns mercados por volta das 5:00 PM colocam produtos pela metade do preço ou 1/3, ao invés de jogarem fora produtos com a validade próxima de expirar ou produtos com avarias.

See ya!!

by: Jorge

Onde iremos estudar e morar

Fechamos 25 semanas de General English com a escola ALS – International House Brisbane. Ela fica bem no centro da cidade, em um prédio comercial.
Foi uma boa opção custo-benefício e tivemos boas referências dela pela internet.. Ela é pouco citada pelos brasileiros, que na sua maioria citam: Browns, Sarina Russo, Navitas, Shafston.. E a famosa Langports.

01Recepção

02Fotos da escola (clique para ampliar)

Logo no primeiro dia vamos fazer uma prova para sabermos em qual nível de inglês estamos.
Os níveis são: 1 – Beginner, 2- Elementary, 3- Pre-Intermediate, 4- Intermediate, 5- Upper Intermediate e 6- Advanced.

A carga horária de aulas vai ser bem puxada, 6h diárias com 1h de break. Nas outras linhas da tabela são as outras opções de horários oferecidas pela escola.. O horário é definido de acordo com o seu nível de inglês.
O speak more é opcional para os alunos que querem treinar mais a conversação com os professores, tendo foco em determinado tema ou alguma regra gramatical que você tiver com dúvida.

GE-timetable

De segunda a quarta teremos 3 horas de aula principal (gramática) e 2 horas de aula focadas em  alguma das 3 habilidades (fala, leitura ou escrita).

Às quintas-feiras teremos apenas aulas principais, com provinhas semanais para medir seu nível.

Às sextas-feiras a presença é opcional, mas de manhã (nas primeiras 3h) eles oferecem aulas preparatórias para quem vai prestar o IELTS ou prestar certificados Cambridge.
A cada 3 semanas eles fazem uma prova para ver se você está apto a mudar de nível de inglês, mas essas provas são opcionais.. Ou seja, se você não quiser mudar de nível ou acha que não está preparado é só não fazê-la.

De tarde (nas últimas 2h) os professores focam em algumas dessas atividades: pronúncia, habilidades de busca de emprego, habilidades de inglês para negócios, habilidades de escrita/leitura/escuta.
Mas também, ao invés dessas atividades didáticas, nas sextas-feiras à tarde poderemos ter aula de cozinha, ir a alguma excursão ou praticar algum esporte. Todas essas aulas terão professores qualificados.

Vejam o site da escola em português, com fotos:
http://www.ihbrisbane.com.au/pt/about/our-facilities/

Onde iremos morar..

Fechamos apenas 1 mês de acomodação, que é o padrão que as agências fazem. Eles fazem assim, pois chegando na Austrália a tendência é nos mudar para outro lugar melhor, seja mais barato, mais perto do centro, junto com amigos, homestay, enfim.

Achamos a acomodação bem legal, com instalações modernas e espaçosas! Ela é destinada aos alunos que estudam nas universidades que ficam por perto, mas os alunos da ALS – International House podem se hospedar lá, pois a Uni Resort faz acordo com a escola também.

A única desvantagem é que fica a quase 15km da city.. ;\ Nas nossas primeiras semanas já vamos ter que garantir um outro lugar pra morar, no centro. Morar longe sai mais barato o aluguel, mas não compensa o tempo e o dinheiro gasto com transporte, sem contar a praticidade de morar perto de tudo.
Segundo o Google Maps, levaríamos em torno de 35 min a 40 min de ida/volta contando com os trechos que vamos ter que ir à pé, para os pontos de ônibus.


005

001

002

003

004

upper mount gravatt
A – Centro da cidade / B – Acomodação Uni Resort (clique para ampliar)

Mais informações:
http://www.uniresort.com.au

by: Bruna